• alogo.png
  • contatos.jpg
  • dlogo.png
  • horarios2.jpg

Eu amo!

Eu amo!

"Que o amor de vocês não seja fingido. Odeiem o mal e sigam o que é bom. Amem uns aos outros com o amor de irmãos em Cristo e se esforcem para tratar uns aos outros com respeito. No que depender de vocês, façam todo o possível para viver em paz com todas as pessoas.”Romanos 12.9,10 e 12

Ultimamente as notícias e comentários sobre a igreja destoam em muito dessas instruções que o Apóstolo Paulo nos deixou, por isso, nesse tempo de celebração, nada mais apropriado do que pensarmos nessas instruções que foram e precisam continuar sendo todo o diferencial do povo de Deus.

Em um mundo que transpira ódio, somos convocados a ser o povo que ama:abraco

Deus. O primeiro e grande desafio é amar a Deus. O próprio Jesus estabeleceu o amor a Deus como o primeiro mandamento. O amor a Deus é a base para outras experiências de amor com toda a criação, se não amamos o Criador de tudo e de todos não teremos condições de amar as outras pessoas. O amor a Deus é a imagem que o nosso “espelho reflete”, o nosso trato com as outras pessoas é o raio-X do nosso amor a Deus.

Pessoas. O segundo mandamento de Jesus é amar o próximo como se fosse a nós mesmos. O Ap. Paulo fala do amor de irmãos e do esforço para se tratar com respeito também de irmãos. Nesse ponto, temos visto muitos escorregando, se julga muito, se maltrata demais, se fere com palavra de forma contumaz. O respeito as pessoas deve ser buscado com todas as nossas forças, ninguém tem o direito de desrespeitar o outro, por mais que tenha todas as discordâncias possíveis. Nesse sentido, a Igreja é chamada a caminhar na contramão do sentimento nacional, andar em amor e respeito.

Comunidade/Igreja. Claro que de forma ainda mais intensa, devemos amar nossa igreja. Nela fomos e somos diariamente treinados e conduzidos a presença de Deus. Em igrejas democráticas como a nossa é bem mais fácil aparecer controvérsias e pontos de discordância na caminhada, mas nada disso pode sufocar o amor que temos pela nossa igreja.

É tempo de amarmos, a Deus, as pessoas a nossa volta e a nossa Igreja, a comunidade que Deus escolheu para nós!

   Rev. Erivan Jr